quinta-feira, 26 de julho de 2012

LULA, O MAIOR BENEFICIÁRIO DO MENSALÃO, NÃO SERÁ JULGADO



Contagem regressiva – Com a proximidade do início do julgamento do caso do Mensalão do PT, cresce no meio político a expectativa em relação ao futuro dos acusados de envolvimento no esquema de cooptação de apoio no Congresso Nacional através do pagamento de mesadas regulares. Na opinião do presidente nacional do PPS, deputado Roberto Freire, “será um julgamento que vai marcar a história do Brasil; não adianta o Supremo dizer que vai ser um julgamento como outro qualquer”. O julgamento do caso, marcado para começar no próximo dia 2 de agosto, marcará um período da sociedade e da República, afirma o parlamentar.
“O mensalão do Lula é o maior escândalo de corrupção da República brasileira e o julgamento terá ampla cobertura da imprensa brasileira; é uma grande estultice do PT acreditar que pode transformá-lo em secreto”, afirmou.

Chamamento

Para Freire, não importa o momento em que o caso seja julgado – perto ou longe das eleições –, pois a repercussão será sempre grande. “Eu já venho gravando para candidatos do PPS a prefeito e aliados participações em que chamo a atenção para a necessidade de se acompanhar atentamente o julgamento”, revelou o presidente do PPS.

O acontecimento já seria histórico, avalia. “A eleição é algo mais, apenas”. O julgamento, analisa, não será mais importante por causa da eleição. Seria a qualquer tempo, por causa de sua proporção e importância.

Sobre a estratégia de Delúbio Soares – que foi tesoureiro da campanha do PT e continuava na tesouraria do partido na época do escândalo, no primeiro mandato de Lula e – de chamar a juventude do PT para defendê-lo, Freire declarou que o mensaleiro faz o papel dele.
“Absurdo é a juventude se prestar a esse papel e ainda chamá-lo de herói guerreiro do povo brasileiro”. Para Roberto Freire, “isso é um escárnio que atenta não contra Delúbio, que já não tem muito o que perder, mas contra a juventude, que tem um setor do PT capaz de homenagens desse tipo”.

Freire ironizou, afirmando que já existem brincadeiras dando conta de que o ídolo da esquerda petista agora não é mais Che Guevara, mas Delúbio, “que é o herói e guerreiro do povo brasileiro; veja a que ponto se chegou a desfaçatez e o escárnio”.

Apesar de o mensalão ser do Lula, lembra Freire, o ex-presidente não será julgado. “O fato de Roberto Jefferson e Marcos Valério falarem sobre o envolvimento dele só mostra o que a sociedade já sabe: que ele foi o maior beneficiário do esquema; mas Lula não está nos autos e não será julgado”

Fonte: Ucho.Info.

3 comentários:

  1. lulla...o BANDIDO MAIS BLINDADO DO MUNDO!!!

    ResponderExcluir
  2. Joacir M. Leandro30 de julho de 2012 05:38

    Esta exposição midiática do mensalão pra atacar o PT é uma cortina de fumaça pra esconder a realidade política do país no qual todos os partidos tem caixa dois e compram apoio em todas as esferas de governo.Pretendem enganar o povo ao mostrar só um culpado:o PT.è um deserviço á Nação pois interessa manter o povo desinformado e manipulado .Cadê o mensalão mineiro,acompra de votos para a reeleição de FHC e os desvios no governo paulista?

    ResponderExcluir
  3. Mensalão do PT é uma farsa. O Roberto Jeferson quis se vingar porque deram calote nele. O Roberto Jeferson não tem moral para denunciar ninguém , é um dos politico smais corruptos deste país, constante inclusive na lista de Furnas, ou seja o hôme tá em todas! Se o mensalão do PT fosse verdade, os beneficiados seriam os deputados da oposição, e não os próprios deputados do PT e aliados. Quer dizer que o PT pagou mensalão para que os seus próprios aliados votassem com o Governo?? Fala sério!!! A mídia tá segurando a vela do mensalão porque já percebeu que não tem mais poder de opinião pública, não consegue ais esconder as verdades nem emplacar as mentiras!! As 5 familias donas da mídia, que sempre trataram nosso como uma colônia, se ferraram!! E já vão tarde.

    ResponderExcluir